XIIª Estação da Via Sacra da Misericórdia.

1 02 2015

XII Estação. Jesus morre na cruz.

Leitor 1.

Três horas Jesus fica pregado na cruz. Neste tempo alguns fatos marcantes aconteceram.

Jesus olha sua mãe e diz-lhe: Mulher, eis aí teu filho. Depois diz a João Evangelista: Filho eis aí tua mãe. Neste momento Jesus dá um imenso tesouro à humanidade, pois João representa todos nós. Maria nos é dada por mãe. Mãe espiritual, mãe da Igreja. Este dom nos veio da cruz. É de lá que Jesus nos dá este tesouro. Maria é nossa mãe!

Leitor 2.

Ao lado de Jesus está crucificado um criminoso do lado direito e outro do lado esquerdo. Um deles (o da esquerda) diz desaforos a Jesus. O da direita, tocado pela Misericórdia de Deus, diz-lhe: para nós este castigo é justo. Mas ele que mal fez? E num ato de fé extraordinário, era impossível ver naquele homem um rei, diz: Senhor lembra-te de mim quando estiveres no teu reino. A resposta é de tal Misericórdia que jamais poderíamos imaginar. Jesus perdoa todos os seus pecados e (!) faz a primeira canonização. Hoje mesmo estarás comigo no Paraíso! O bandido agora lavado pela Misericórdia de Jesus torna-se santo, estará com Jesus no Céu! Veio da cruz a primeira canonização!

A cruz antes dele sinal de maldição, agora sinal de salvação, que afugenta o mal, o demônio.

Ó cruz bendita da qual pendeu a salvação! Ó cruz poderosa que vence o mal! Ó cruz altaneira que enfeita o horizonte no alto dos morros! Ó cruz libertadora que quebra as cadeias do pecado!

Leitor 3.

Tudo está consumado.  Pai, nas tuas mãos entrego a minha alma!

O centurião romano vendo aquilo tudo, estupefato, diz: Verdadeiramente, este homem era o Filho de Deus! (Lc. 23, 44 – 49)

Cai uma chuva torrencial, são três horas da tarde, a hora da Misericórdia, contudo, já está escuro. O sumo sacerdote com suas roupas encharcadas, suas insígnias deformadas pela tempestade, fica ridículo em suas vestes solenes. Corre ao templo. No templo a ventania rasgara o véu do templo que separava o santo dos santos!

Quando for elevado da terra, atrairei todos a mim. De fato, o que parecia um desastre, um fracasso, começa a mudar.

Divina Misericórdia, mais sublime do que o céu, tende misericórdia de nós.

Diga ao ler esta reflexão: Divina Misericórdia eu me consagro a Vós.

Pe. Macedo da Divina Misericórdia

Anúncios

Ações

Informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: